Remédio para queda de cabelo

Se você está procurando um remedio para queda de cabelo, veja a lista com os principais nomes e entenda como funciona o tratamento

O que pode provocar queda de cabelo?

A queda de cabelos pode ser provocada por diversos fatores. Um deles é o uso de medicamentos.

Produtos como medicamentos quimioterápicos, pílulas anticoncepcionais, diluidores de sangue e bloqueadores para controlar a pressão arterial podem provocar a queda.

O estresse é outro fator que pode levar à queda dos cabelos, bem como o uso de produtos químicos, como fazer escovas progressivas ou usar tinturas em excesso.

Algumas doenças, como a anemia ou problemas de tireoide podem levar à perda dos fios. Algumas mulheres perdem muitos cabelos depois do parto, por causa de uma reação hormonal.

Uma dieta pobre em proteínas, vitaminas, ferro e zinco também pode provocar a queda excessiva de fios de cabelo. No entanto, a herança genética é uma das principais razões para que a calvície apareça.

A menopausa também pode provocar a perda dos fios, provocada também por flutuações hormonais.

O excesso de vitaminas também pode levar a uma forte queda, assim como as temidas micoses nos cabelos.

Remédio para queda de cabelo

Qual é o tratamento para queda de cabelo

O tratamento para a queda do cabelo irá variar de acordo com o diagnóstico feito por um especialista para os fatores que estejam desencadeando a perda dos fios.

Contudo, ele pode englobar técnicas como o microagulhamento, onde são feitas microferidas no couro cabeludo, estimulando sua cicatrização e o nascimento de mais fios de cabelo.

O transplante capilar é outra alternativa para os casos em que a queda de cabelo está bem intensa. Os implantes também são cogitados para os que estão sofrendo com uma calvície bastante intensa.

Mas, para quem não quer realizar esses procedimentos, pode optar também pelo uso de medicamentos no combate à perda de cabelo. Os produtos incentivam ainda na recuperação dos fios perdidos.

Como usar remédio para crescer cabelo Minoxidil

O Minoxidil é um medicamento utilizado no tratamento da queda de cabelo masculina, pensado para combater as falhas no couro cabeludo e fortalecer os fios.

O segredo do remédio é sua ação na vasodilatação dos folículos, estimulando a renovação dos cabelos.

Para aproveitar os efeitos positivos do Minoxidil, é necessário aplicar uma dose de 1 ml do produto no couro cabeludo, sobre a área calva e a região vizinha, duas vezes ao dia.

Depois de aplicado, é preciso esperar até quatro horas para que os cabelos sejam lavados.

Como usar remédio para crescer cabelo Pantogar

O Pantogar é utilizado no tratamento da queda de cabelos, fios frágeis ou quebradiços, além de prevenir  o surgimento de fios brancos e fortalecimento das unhas fracas, quebradiças ou rachadas.

O produto tem efeitos positivos pois contém em sua formulação nutrientes como o cálcio, a cistina e vitaminas, além de queratina, um dos principais compostos dos cabelos.

Para conseguir os efeitos desejados, deve ser consumida uma cápsula do medicamento, três vezes ao dia, durante três a seis meses de tratamento.

No caso de adolescentes com mais de 12 anos, o recomendável é tomar de uma a duas cápsulas por dia.

Quais remédios são bons para crescer cabelo feminino

Os melhores medicamentos para crescer cabelo feminino são o Avicis (desenvolvido para tratar a queda dos fios provocada por fatores hormonais) e o Pantogar (indicado para o tratamento da queda dos cabelos, fornecendo os nutrientes necessários para que eles cresçam saudáveis).

O Follxin (melhora o fluxo sanguíneo e fortalece os folículos) também é indicado para o público feminino.

Quais remédios são bons para crescer cabelo masculino

Para os homens, os melhores remédios para crescer cabelo são a Finasterida, o Minoxidil, a cortisona, a Flutamina e a Espironolactona.

Quais remédios caseiros são bons para crescer cabelo

O suco de cenoura é um ótimo remédio caseiro para acelerar o crescimento dos cabelos, pois o legume é rico em vitamina A. Para prepará-lo, basta colocar 100 gramas de couve manteiga ou abacate, três cenouras e um copo de água no liquidificador. Bata bem e beba em seguida.

Massagem com óleo de bardana

O óleo de bardana é excelente para os cabelos crescerem porque ajuda a nutrir o couro cabeludo graças à alta concentração de vitamina A. Para preparar o insumo da massagem, basta seguir a seguinte receita.

Separe seis colheres (sopa) de raiz de bardana, uma garrafa escura e 100 ml de óleo de sésamo.

Em seguida, corte a raiz de bardana em farias muito finas, coloque-as dentro da garrafa escura com o óleo de sésamo e deixe ao sol durante três semanas, agitando todos os dias. Coe a raiz e utilize o óleo para massagear o couro cabeludo diariamente.

Vitamina de batata-doce e banana

A mistura é um ótimo remédio natural para crescer cabelo porque o tubérculo é rico em vitamina A, promovendo o crescimento dos fios. Para preparar essa vitamina, separe os seguintes ingreditens.

Pegue uma xícara de banana, uma batata doce cozida, duas xícaras de leite de amêndoas e quatro cubos de gelo, coloque todos esses ingredientes no liquidificador e bata bem. Beba em seguida, colocando cubos de gelo para que fique mais refrescante.

Remédio para queda de cabelo

Quais remédios manipulados são bons para crescer cabelo

Dentre os produtos manipulados recomendados para crescer cabelo, uma boa alternativa é o Nova Repair, preparado para fortalecer os fios e recuperar o nível de seu crescimento.

São indicados também as versões para homens e mulheres do Hair Capillum, ricos em vitaminas e que devolvem o brilho e a hidratação dos fios.

Quais são os efeitos colaterais de remédios para queda de cabelo

Embora tenham efeitos positivos ao interromper a queda dos cabelos, os medicamentos podem trazer sintomas indesejados, como queda da libido, problemas de ejaculação, pele menos firme, além de alguns incômodos estomacais que podem aparecer.

Contudo, caso o uso desses medicamentos seja feito de acordo com a receita médica, nenhum risco será percebido.

Então, antes de usar um remédio para acabar com a queda de cabelo, consulte um especialista não use nada que não tenha sido prescrito, respeitando sempre a dosagem recomendada.

As informações foram úteis para você? Deixe a sua opinião!

Deixe um comentário